BRASILEIRÃO

Brasileirão | Disputa Globo x Turner ‘salva’ Santos x Athletico, que terá transmissão de TV

Brasileirão | Disputa Globo x Turner ‘salva’ Santos x Athletico, que terá transmissão de TV
Previsto para ser um "jogo cego" pela terceira rodada do Brasileirão no próximo fim de semana por escolha de rodada da Turner, o duelo Santos x Athletico Paranaense foi salvo. Por causa da disputa de liminares contra a Globo, a programadora agora resolveu transmitir o duelo no próximo domingo (16), às 19h45.A Turner entrou numa…

Previsto para ser um “jogo cego” pela terceira rodada do Brasileirão no próximo fim de semana por escolha de rodada da Turner, o duelo Santos x Athletico Paranaense foi salvo. Por causa da disputa de liminares contra a Globo, a programadora agora resolveu transmitir o duelo no próximo domingo (16), às 19h45.

A Turner entrou numa disputa judicial com a emissora carioca, após a emissão da MP 984, que dá ao mandante de uma partida o direito de vender a sua transmissão.

Ontem (12), a Globo conseguiu em segunda instância proibir a Turner de exibir Coritiba x Flamengo e Palmeiras x Goiás no sábado (15). Com isso, ainda pela manhã de hoje (13), a Turner pediu a alteração para a CBF e sinalizou que irá mostrar o jogo entre o Alvinegro Praiano e o Furacão. Isso, claro, caso não consiga reverter a liminar na Justiça.

Caso a Turner realmente não exibisse o jogo, Santos x Athleitco seria o segundo jogo do Brasileirão sem exibição. O primeiro foi Fortaleza x Athletico, ainda na primeira rodada, por opção da mesma programadora, que preferiu exibir na TNT o jogo entre Coritiba e Internacional.

A escolha por não mostrar Santos x Athletico foi muito criticada por torcedores do time paulista, demonstraram revolta nas redes sociais.

Horas antes de a Turner decidir abrir mão do jogo, o Santos havia publicado uma postagem defendendo a “MP do Mandante”, afirmando que não teriam mais jogos sem transmissão na TV com a nova lei.

O confronto ficaria “às cegas” também por causa da Globo, que escolheu outros dois jogos para exibir na TV aberta no mesmo dia, à tarde: Vasco x São Paulo e Bahia x Red Bull Bragantino. No pay-per-view, o jogo não pode ser exibido por que o Furacão não tem acordo para transmissão no Premiere.

Ontem, o desembargador Maldonado de Carvalho, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, concedeu liminar em segunda instância para a Globo, alegando que os contratos firmados pelo Brasileirão não podem retroagir e que o entendimento da lei antiga, onde os dois clubes precisam ter concordância para a transmissão do jogo, precisa continuar.

Ao todo, a Turner previa mostrar 11 jogos de clubes Globo, incluindo três jogos que eram exclusivos do Flamengo no Premiere —contra Bahia, Ceará e Coritiba— e que serviriam para recuperar o número de assinantes do serviço de pay-per-view da emissora, após as desistências durante a parada imposta pela crise do coronavírus.

Fonte