BRASILEIRÃO

Clássico no Brasileirão | Por que Gil voltou ‘voando’, dominou zaga e mudou Corinthians pré-dérbi

Apenas um jogador de linha atuou o tempo inteiro nos cinco jogos do Corinthians após a pausa da Copa América. É o zagueiro Gil, que tem 32 anos e foi anunciado como reforço do clube há somente um mês. Mais do que o vigor físico que permitiu que ele não fosse nem sequer poupado, o…

Apenas um jogador de linha atuou o tempo inteiro nos cinco jogos do Corinthians após a pausa da Copa América. É o zagueiro Gil, que tem 32 anos e foi anunciado como reforço do clube há somente um mês. Mais do que o vigor físico que permitiu que ele não fosse nem sequer poupado, o jogador já chama atenção por ter dominado a zaga e virado peça fundamental para uma mudança de status do time alvinegro nas duas competições que disputa. É isso que estará à prova hoje, às 19h, contra o Palmeiras, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Será o nono dérbi de Gil pelo Corinthians, o primeiro desta nova passagem iniciada em julho. Ele só perdeu uma vez, mas soma 45,8% de aproveitamento por causa de cinco empates. A chance de melhorar estes números não poderia ter vindo em melhor hora: o time está embalado pelos resultados e principalmente pelo desempenho recente. Gil é peça fundamental nos dois quesitos.

Cássio cumprimenta Gil: defesa do Corinthians só tomou três gols após a pausa

Imagem: Alan Morici/AGIF

No Corinthians, a avaliação interna é de que Gil dominou não apenas a defesa, como potencializou o desempenho do parceiro Manoel e deu ao time mais confiança para se soltar ofensivamente graças à sua capacidade de posicionamento, ocupação de espaços e também saída de bola. O experiente zagueiro campeão brasileiro de 2015 trouxe ao time atual algo que ainda não existia, que é um defensor com característica de antecipação pelo meio e jogo de imposição física.

Os números estão ao lado desta leitura. Em cinco jogos (três pelo Campeonato Brasileiro e dois válidos pela Copa Sul-Americana), Gil soma:

  • 3 desarmes;
  • 8 interceptações;
  • 22 cortes;
  • 16 duelos vencidos em 27;
  • Média de quase 92% de passes certos.

O último número, inclusive, é alto para um jogador de sua posição. E ainda mais surpreendentes quando se percebe que até o mês passado ele era jogador do Shandong Luneng, da China.

Gil atuou por três anos e meio no futebol chinês e voltou ao Brasil no mês passado

Imagem: Reprodução/Twitter

Gil atuou pelo Shandong até o dia 30 de junho. Em 3 de julho ele foi anunciado pelo Corinthians, se apresentou ao clube no dia 9 e no dia seguinte já treinou como titular. Estreou em 14 de julho, na vitória sobre o CSA e depois atuou consecutivamente em todos os jogos.

Com Gil “voando”, o Corinthians enfrenta hoje o segundo melhor ataque do Campeonato Brasileiro.

Quem é o parceiro ideal de Gil na zaga do Corinthians?

21,16%

5,44%

67,91%

0,80%

4,69%

Total de 4008 votos

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS x PALMEIRAS

Data: 4 de agosto de 2019 (domingo)

Horário: 19h (de Brasília)

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Competição: Campeonato Brasileiro (13ª rodada)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior (ambos do RS)

VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Corinthians: Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Pedrinho, Sornoza (Mateus Vital ou Matheus Jesus) e Clayson; Vagner Love. Técnico: Fábio Carille.

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Raphael Veiga (Gustavo Scarpa); Willian, Dudu e Deyverson (Borja). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Fonte