Sem categoria

Homem morre após ser empurrado pela namorada durante briga por chave em SP

Uma tragédia ocorreu neste domingo (17), em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Um homem de 39 anos morreu após discutir com a namorada, uma mulher de 31 anos, e bater a cabeça durante a briga.A mulher contou aos policiais que empurrou o namorado para se defender de uma suposta agressão, e então ele…

Uma tragédia ocorreu neste domingo (17), em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Um homem de 39 anos morreu após discutir com a namorada, uma mulher de 31 anos, e bater a cabeça durante a briga.

A mulher contou aos policiais que empurrou o namorado para se defender de uma suposta agressão, e então ele caiu e morreu.

A tragédia ocorreu em Solemar, bairro de Pria Grande, na Rua Castro Alves. Os policiais militares chegaram ao local da tragédia após serem acionados, e lá já encontraram o Samu no local.

A chave e a discussão

Em depoimento à Polícia Civil, a mulher afirmou que ela e o companheiro iniciaram a briga após retornarem da praia e não encontrarem a chave do portão da casa.

Ela relatou que o homem a agrediu com um soco na cabeça e, após isso, reagiu empurrando a vítima.

Mulher é indiciada após morte de namorado

A mulher foi indiciada por homicídio culposo, que é quando alguém provoca a morte de alguém sem a intenção de matar. Segundo informações da Polícia Civil, a prisão dela foi feita em flagrante e registrada na delegacia do município. O caso ainda segue sendo investigado pela polícia.

Mulher não pagou fiança solicitada

Segundo informações divulgadas pelo portal G1, a mulher foi levada para a penitenciária feminina, que fica localizada em São Vicente após não pagar a fiança. Autoridade responsável pelo caso pediu fiança de R$ 5 mil para a mulher, que não pagou o valor até este domingo (17). Ela deve passar por uma audiência de custódia ainda neste fim de semana.

Mulher mata marido em discussão em BH

Na quinta-feira (14), em Belo Horizonte, Minas Gerais, uma mulher, de 21 anos também matou o companheiro, de 20 anos, após uma discussão por causa do filho de um ano. O caso aconteceu em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Em depoimento à polícia, a mulher afirmou que a vítima tinha feito uso de drogas e, após isso, ficou agressivo e tentou enforcá-la.

A mulher afirmou que ao tentar se defender, enforcou o marido com uma correntinha que ele usava no pescoço. Ela informou aos policiais que chamou o Samu e que tentou reanimar a vítima, porém sem sucesso. Quando a equipe de atendimento chegou ao local, a vítima já estava sem vida. Segundo a polícia, tanto a mulher como a vítima já possuíam passagens pela polícia e eram conhecidos por moradores da região por usarem drogas.

Não perca a nossa página no Facebook!

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Fonte