BRASILEIRÃO

Jovens do São Paulo celebram empate ‘na raça’ contra o Flamengo no sub-17

Jovens do São Paulo celebram empate ‘na raça’ contra o Flamengo no sub-17
Marquinhos e João Adriano, responsáveis diretos pelo empate em 2 a 2, na última quarta-feira, em Osasco, comemoram suas participações que deixam o Tricolor vivo na semifinal Na última quarta-feira, São Paulo e Flamengo fizeram a primeira partida da semifinal do Campeonato Brasileiro sub-17, em Osasco. O empate em 2 a 2, resultado de um…

Marquinhos e João Adriano, responsáveis diretos pelo empate em 2 a 2, na última quarta-feira, em Osasco, comemoram suas participações que deixam o Tricolor vivo na semifinal

Na última quarta-feira, São Paulo e Flamengo fizeram a primeira partida da semifinal do Campeonato Brasileiro sub-17, em Osasco. O empate em 2 a 2, resultado de um grande e equilibrado duelo, foi comemorado pelos jogadores do Tricolor, visto a entrega na busca pela igualdade nos minutos finais. A decisão agora será na próxima terça-feira, com mando carioca.

João Adriano foi o autor do gol que empatou o jogo aos 48 minutos da etapa final (Foto: Igor Amorim/saopaulofc.net)

Foto: Lance!

O técnico são-paulino, Rafael Paiva, viu superação em seus comandados, que não abaixaram a cabeça com as desvantagens e tentaram reverter a situação o tempo todo. Como recompensa, levam a definição para o segundo jogo.

– A gente conhece o Flamengo e sabe todo o potencial da equipe deles. Tínhamos consciência de que seria um jogo muito difícil, mas competimos bastante e isso é uma evolução da equipe, pois nos embates físicos levamos desvantagem, mas acreditamos até o final para buscar o empate. Vamos vivos para o jogo no Rio – declarou o comandante, que aproveitou para fazer mais elogios ao seu grupo de jogadores:

– Sempre pregamos para o grupo acreditar que a oportunidade vai chegar, e lutamos para manter os atletas todos em um bom nível e preparados para jogar. Deu certo, o pessoal que entra sempre desenvolve bem o jogo, pois todos têm qualidade – completou.Autor do gol que deu o empate ao São Paulo, aos 48 minutos do segundo tempo, o atacante João Adriano não escondeu a alegria por ter contribuído para o resultado e por manter o time vivo na briga por vaga na final.

– É um sonho poder ajudar o São Paulo num momento importante assim, a gente trabalha desde pequeno para isso. Temos objetivos maiores para ir atrás, mas hoje foi uma noite especial. O Marquinhos fez uma jogada fantástica e fui feliz em completar para esse gol importante – disse o jovem.

Marquinhos, responsável pelo passe que permitiu a João Adriano empatar a partida e autor do primeiro gol do Tricolor, celebrou a sua participação no resultado, mas lamentou ter levado cartão amarelo que o suspende da segunda partida da semifinal do Campeonato Brasileiro sub-17.

– Vai ser uma noite pra pensar muito, fui muito feliz com o passe e com o gol, mas também é muito difícil saber que vou ficar fora da próxima partida. De qualquer forma, vou fazer de tudo para ajudar a equipe do lado de fora do campo – avisou o atacante.

Flamengo e São Paulo voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, às 16h30, em local ainda não definido, mas com mando do clube carioca. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis e o vencedor pega Grêmio ou Corinthians na final desta edição do Brasileirão sub-17.

Fonte