CARLOS AUGUSTO

Mancini explica esquema com três zagueiros e fala em desempenho ‘perto do ideal’

Mancini explica esquema com três zagueiros e fala em desempenho ‘perto do ideal’
O Corinthians empatou com o São Paulo na noite deste domingo, por 2 a 2, na Neo Química Arena. Antes mesmo do duelo começar, o nome de Vagner Mancini já dominava os comentários entre a Fiel. O treinador surpreendeu e escalou o time com três zagueiros - o fato, aliás, não acontecia há 11 anos…

O Corinthians empatou com o São Paulo na noite deste domingo, por 2 a 2, na Neo Química Arena. Antes mesmo do duelo começar, o nome de Vagner Mancini já dominava os comentários entre a Fiel. O treinador surpreendeu e escalou o time com três zagueiros – o fato, aliás, não acontecia há 11 anos no Timão.

Raul Gustavo, Jemerson e João Victor foram os escolhidos pelo treinador para iniciar o Majestoso. Segundo Mancini, a equipe encontrou dificuldade nos minutos inicias do duelo, mas depois se soltou. Ainda segundo o técnico, a avaliação da variação tática foi “altamente positiva”.

Avaliação é altamente positiva, embora a gente tenha tido dificuldade, o que é natural, teve mudança de esquema, entrada de atletas em clássico, não era algo fácil, mas foi bem executado. Dificuldade foi porque eles foram agressivos na marcação, a gente não conseguia estabilização que é necessária na mudança de esquema. Com meia hora, a gente se soltou”, exaltou Mancini, na coletiva após o duelo.

“No começo teve muito erro de passe, isso foi um peso, mas quando nos soltamos, chegamos mais na frente, empatamos e na segunda etapa fomos melhor que o São Paulo. Com força, saída de bola acima. Tivemos dificuldade, mas soubemos administrar e melhorar, o que é positivo”, completou.

Apesar da surpresa, a escolha foi pensada justamente por conta do adversário deste domingo. O São Paulo, sob o comando de Hernán Crespo, vem atuando com três zagueiros na temporada. Mancini explicou que a ideia era quebrar o sistema de jogo do time do Morumbi.

“Tudo tem sua hora. Estudamos o São Paulo, vimos que espelhar a marcação nos daria a possibilidade de quebrar o sistema de jogos deles. Eu tinha João Victor, Jemerson, Raul, Piton… a gente já jogava com eles, só mudamos esquema, colocamos Fagner e adiantamos Piton. No começo o João e Raul tiveram dificuldade até se acertarem, é esquema novo, mas com pouco tempo de treino fizeram bela partida. Se soltaram, teve desempenho perto do que entendemos como ideal“, explicou Mancini.

O técnico finalizou dizendo que o esquema pode voltar a aparecer, mas que ainda será trabalhado porque precisa de ajustes.

Mas é um esquema que ainda precisa de ajustes, mas já deu pra vermos algo diferente. A mudança alterou ânimo, foi positivo, dentro da análise da partida”, finalizou.

Veja mais em:
Vagner Mancini, Majestoso e Campeonato Paulista.

Fonte