DESTAQUE

Menon | Ceni e São Paulo poderiam estar juntos

Menon | Ceni e São Paulo poderiam estar juntos
O treinador Rogério Ceni enfrentará o São Paulo Futebol Clube, onde o jogador Rogério Ceni construiu uma gloriosa carreiraEles poderiam estar juntos ainda. Ceni foi demitido de maneira precipitada, embora justificável. Contradição?Bem, vou tentar explicar meu raciocínio.O São Paulo de Ceni estava mal, com perigo de cair. E a queda de um time grande é…

O treinador Rogério Ceni enfrentará o São Paulo Futebol Clube, onde o jogador Rogério Ceni construiu uma gloriosa carreira

Eles poderiam estar juntos ainda. Ceni foi demitido de maneira precipitada, embora justificável.

Contradição?

Bem, vou tentar explicar meu raciocínio.

O São Paulo de Ceni estava mal, com perigo de cair. E a queda de um time grande é algo a ser evitado a todo custo. Nada é pior.

Falo de Brasil, onde patrocínio e dinheiro de televisão são fundamentais para a saúde financeira do clube.

Se um time brasileiro for dirigido por Guardiola e Klopp e estiver com risco de cair, que sejam demitidos. Ah, mas o trabalho deles vai aparecer…Já devia ter aparecido, não?

Então, diante do perigo que o São Paulo passava em 2017, é aceitável a demissão. Mesmo se tratando do grande ídolo.

Mas, e a precipitação?

Acho que faltou sangue frio ao presidente Leco. Ceni foi demitido quando o São Paulo caminhava para uma sequência mais tranquila, que apontava para a recuperação. Algo que veio com Dorival Jr.

O que pegou muito mal foi a maneira da demissão. Leco, que havia contratado Ceni como um escudo se livrou dele como quem joga fora um jornal de anteontem.

Nem levou em conta o fato de haver vendido David Neres, Luiz Araújo e Thiago Mendes, pilares do time idealizado por Ceni.

As indicações do próprio Ceni foram desastrosas. Marcinho é um exemplo. Neílton, outro.

O se não existe. Mas um pouco mais de paciência de Leco e a não eliminação diante do Defensa y Justicia poderiam ter mantido Ceni. E o seu trabalho estaria completando dois anos. Com resultados.

Agora, são adversários.