SÃO PAULO

Morre Laudo Natel, ex-governador de São Paulo, aos 99 anos

Morre Laudo Natel, ex-governador de São Paulo, aos 99 anos
Natel também presidiu o São Paulo Futebol clube, sendo responsável por concluir a construção do estádio Morumbi O ex-governador de São Paulo Laudo Natel, de 99 anos, morreu na manhã desta segunda-feira, 18. A causa da morte ainda não foi confirmada. Natel, que governou o Estado entre 1971 e 1975, completaria 100 anos em 2020.…

Natel também presidiu o São Paulo Futebol clube, sendo responsável por concluir a construção do estádio Morumbi

O ex-governador de São Paulo Laudo Natel, de 99 anos, morreu na manhã desta segunda-feira, 18. A causa da morte ainda não foi confirmada. Natel, que governou o Estado entre 1971 e 1975, completaria 100 anos em 2020.

Laudo Natel é conhecido como o “pai do Morumbi”

Foto: Arquivo Histórico do São Paulo

Natel comandou o Executivo estadual por duas vezes, durante a ditadura militar. A primeira, entre junho de 1966 e janeiro de 1967, era vice-governador e teve que substituir Adhemar de Barros, cassado pelo governo federal. Da segunda vez, foi eleito de maneira indireta, por um colégio eleitoral, e governou o Estado entre 1971 e 1975.

O ex-governador também foi presidente do São Paulo Futebol Clube entre os anos de 1958 e 1971. O principal feito à frente do clube foi a conclusão da obra do estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Morumbi, casa do clube até os dias atuais. Pelas redes sociais, o São Paulo lamentou a morte do ex-presidente.

O São Paulo FC informa e lamenta, com imenso pesar, a morte de seu Patrono e ex-Presidente Laudo Natel, aos 99 anos. Nosso eterno agradecimento a uma das figuras mais importantes da história de nosso Clube pelas décadas de amor incondicional às nossas cores. pic.twitter.com/iSAyRvxsDt

— São Paulo FC (de ) (@SaoPauloFC) May 18, 2020

“Nosso eterno agradecimento a uma das figuras mais importantes da história do nosso Clube pelas décadas de amor incondicional às nossas cores”, escreveu o Twitter oficial do São Paulo.

Fonte

Redação SP

Adicionar Comentário

Clique aqui para enviar um comentário