BRASILEIRÃO

Palmeiras pode ter oito pontos sobre o Flamengo, oposto de um ano atrás

Palmeiras pode ter oito pontos sobre o Flamengo, oposto de um ano atrás
Quando o Brasileirão 2018 parou para a Copa do Mundo, no dia 13 de junho de 2018, o Flamengo era o líder com 27 pontos.Quatro a mais do que Atlético e São Paulo, segundo e terceiro colocados. Oito pontos a mais do que o Palmeiras, sexto colocado.Cinco rodadas depois do retorno da Copa, em agosto,…

Quando o Brasileirão 2018 parou para a Copa do Mundo, no dia 13 de junho de 2018, o Flamengo era o líder com 27 pontos.

Quatro a mais do que Atlético e São Paulo, segundo e terceiro colocados.

Oito pontos a mais do que o Palmeiras, sexto colocado.

Cinco rodadas depois do retorno da Copa, em agosto, o Flamengo já estava em segundo lugar, com o São Paulo líder.

O Palmeiras venceu o Avaí por 2 x 0, jogando com segurança, sem brilho. Passes de Marcos Rocha e Lucas Lima para Deyverson e Bruno Henrique fazerem os gols da vitória que faz o time de Felipão recuperar a liderança do Brasileiro.

Com os prováveis três pontos da vitória sobre o Botafogo, se forem recuperados no julgamento de terça-feira, o Palmeiras pode ter cinco pontos de superioridade sobre o segundo colocado, o Santos.

Margem excelente, maior do que o Flamengo tinha na paralisação da Copa do Mundo.

Ainda mais porque o Brasileirão 2018 parou na décima-segunda rodada e o de 2019 para na nona. A vantagem pode se ampliar ainda mais.

Só que a lembrança do ano passado, dos oito pontos de Flamengo para o Palmeiras, que depois virou, serve de alerta. Se recuperar os pontos do Botafogo, o Palmeiras terá 25 pontos em nove jogos, oito a mais do que o Flamengo. Como o Flamengo tinha oito sobre o Palmeiras, um ano atrás.

Com a diferença de que os 25 pontos do Palmeiras em nove jogos são mais expressivos do que os 27 do Flamengo em doze partidas. Ou seja, o Palmeiras de 2019 parece mais poderoso.

De qualquer maneira, o jogo contra o Avaí não teve brilho. Teve segurança.

O Palmeiras controlou toda a partida, mas infiltrou-se pouco na defesa de Geninho, até fazer 1 x 0 com Deyverson.

Seguiu trocando passes, finalizou mais na segunda etapa do que na primeira, mas esteve distante de seu melhor desempenho na temporada.

Ainda assim, mandou na rodada e manda na classificação.

Tem apenas o alerta de que sua distância para o Flamengo é a mesma que o Flamengo tinha para o Palmeiras na mesma data do ano passado. Bendito 13 de junho.

Fonte