CARLOS AUGUSTO

Processo de reformulação | São Paulo demite quatro funcionários do departamento de futebol

Processo de reformulação | São Paulo demite quatro funcionários do departamento de futebol
O São Paulo confirmou a saída de quatro funcionários do departamento de futebol. Em um processo de reformulação para 2020, o clube demitiu Altamiro Bottino (coordenador científico), Marco Aurélio Melo (fisiologista), Henrique Martins e Wellington Valquer (ambos preparadores físicos). Por outro lado, o Tricolor contratou o fisiologista Luís Fernando de Barros, que conta com a…

O São Paulo confirmou a saída de quatro funcionários do departamento de futebol. Em um processo de reformulação para 2020, o clube demitiu Altamiro Bottino (coordenador científico), Marco Aurélio Melo (fisiologista), Henrique Martins e Wellington Valquer (ambos preparadores físicos). Por outro lado, o Tricolor contratou o fisiologista Luís Fernando de Barros, que conta com a experiência de ter trabalhado no Santos.

As demissões dos funcionários estavam previstas mesmo com a permanência de Raí como executivo de futebol. Diversas reclamações sobre o trabalho do setor foram feitas por conselheiros e torcedores. Durante a temporada, o São Paulo sofreu com a grande quantidade de jogadores lesionados.

Promessas de reestruturar a equipe que atua no dia a dia do CT da Barra Funda eram feitas desde que esta gestão de Carlos Augusto de Barros e Silva começou em 2017. Entretanto, apenas mudanças pontuais foram feitas desde então, quase sempre entre fisiologistas e preparadores físicos.

Ainda dentro deste processo, o superintende de relações institucionais, Diego Lugano, deve se aproximar ainda mais do futebol. O ex-zagueiro chegou a ajudar mais no CT em 2018, quando foi responsável direto pela chegada do técnico Diego Aguirre e do atacante Gonzalo Carneiro, seus compatriotas.

Fonte