BRASILEIRÃO

Roger Machado completa um ano à frente do Bahia

Nesta quinta-feira o técnico Roger Machado chegou à marca de um ano comandando o Bahia, um tempo de trabalho considerado raro no futebol brasileiro. O último treinador a ficar esse tempo no Tricolor foi Arturzinho, em 2007. Durante estes 365 dias, Roger teve ótimos momentos e algumas frustrações. No primeiro turno do Brasileirão de 2019,…

Nesta quinta-feira o técnico Roger Machado chegou à marca de um ano comandando o Bahia, um tempo de trabalho considerado raro no futebol brasileiro. O último treinador a ficar esse tempo no Tricolor foi Arturzinho, em 2007.

Durante estes 365 dias, Roger teve ótimos momentos e algumas frustrações. No primeiro turno do Brasileirão de 2019, chegou a colocar o time em condições reais de uma classificação para a Libertadores, e na Copa do Brasil, eliminou o São Paulo com direito a vitória no Morumbi. Mas o segundo semestre do time foi abaixo do esperado, terminando em 11º lugar.

🧢 Roger Machado completa 1 ano de Bahia e iguala antiga marca de Arturzinho (2007), último técnico a ficar 365 dias no Tricolor. #BBMP

➡️https://t.co/lADJLn6UHR pic.twitter.com/Qj9eybydsL

— Esporte Clube Bahia (de 🏠) (@ECBahia) April 2, 2020

Apesar da eliminação precoce na Copa do Brasil deste ano, o presidente Guilherme Bellintani preferiu manter o treinador e o time vinha tendo bons resultados, com a melhor campanha do Campeonato Baiano e da Copa do Nordeste.

Roger é um dos técnicos que tem maior tempo de trabalho no comando de um clube no Brasil. Na Série A, ele fica atrás apenas de Renato Portaluppi, que dirige o Grêmio desde 2016, quando substituiu o próprio Roger Machado no comando do Tricolor Gaúcho.


Gazeta Esportiva

Fonte