MORUMBI

São Paulo nunca passou um ano invicto no Morumbi

São Paulo nunca passou um ano invicto no Morumbi
O espantoso índice negativo do São Paulo nesta temporada no Morumbi, com apenas duas vitórias em dez partidas no Morumbi, provocou curiosidade para pesquisar quando o clube perdeu poder como mandante. Neste ano, derrota para o Bahia, apenas. Mas venceu apenas Botafogo e Ituano, empatou com Talleres, Red Bull, Ferroviária, Palmeiras, Corinthians, Flamengo e também…

O espantoso índice negativo do São Paulo nesta temporada no Morumbi, com apenas duas vitórias em dez partidas no Morumbi, provocou curiosidade para pesquisar quando o clube perdeu poder como mandante. Neste ano, derrota para o Bahia, apenas. Mas venceu apenas Botafogo e Ituano, empatou com Talleres, Red Bull, Ferroviária, Palmeiras, Corinthians, Flamengo e também Bahia, pelo Brasileirão. No ano passado, o São Paulo disputou 31 partidas no Morumbi e perdeu três, para Santos, Colón e Palmeiras. Foi eliminado da Copa do Brasil com empate contra o Athletico Paranaense em seu estádio e caiu na Copa Sul-Americana na Argentina, mas por causa de uma derrota diante de sua torcida.

Só que em 2018, o índice era muito melhor: 66% de aproveitamento. Em 2019, o aproveitamento é de 43% dos pontos.

Lembramos todos de como sempre foi difícil vencer o São Paulo no Morumbi, o que levou à pesquisa sobre a temporada mais recente com invencibilidade em casa. O resultado foi: nenhuma vez.

Desde 1960, o São Paulo sempre foi poderoso como mandante, mas nunca passou uma única temporada completa sem perder pelo menos um jogo. Inaugurado em outubro de 1960, com vitória são-paulina sobre o Sporting, em amistoso, logo em dezembro daquele ano o Bangu ganhou do São Paulo na zona sul da cidade.

Não é incomum. O Palmeiras perdeu pelo menos uma vez em casa desde a inauguração do Allianz Porque. O Corinthians também não ficou de janeiro a dezembro sem perder em Itaquera. No caso do São Paulo, nunca faltou força no Morumbi. Por isso ser surpreendente não ter passado nenhum ano, desde 1960, sem perder em sua casa.

Fonte