CARLOS AUGUSTO

Segunda noite do Prêmio Paralímpicos consagra campeões em Tóquio

Segunda noite do Prêmio Paralímpicos consagra campeões em Tóquio
Início » Notícias » Esporte » Segunda noite do Prêmio Paralímpicos consagra campeões em Tóquio 10 de fevereiro de 2022 Esporte, Notícias 2 Visualizações Yelstin Jacques e Carol Santiago são eleitos melhores atletas de 2021 Publicado em 09/02/2022 – 21:02 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo…

Início » Notícias » Esporte » Segunda noite do Prêmio Paralímpicos consagra campeões em Tóquio












10 de fevereiro de 2022
Esporte, Notícias

2 Visualizações




Yelstin Jacques e Carol Santiago são eleitos melhores atletas de 2021

Publicado em 09/02/2022 – 21:02 Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – São Paulo

A segunda noite do Prêmio Paralímpicos, realizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e que homenageia os destaques do paradesporto brasileiro, coroou a temporada de Yelstin Jacques e Maria Carolina Santiago. Nesta quarta-feira (9), o velocista e a nadadora, campeões nos Jogos de Tóquio (Japão), foram eleitos os melhores atletas paralímpicos do país em 2021. Na terça-feira (8), eles haviam vencido as disputas nas respectivas modalidades (atletismo e natação).

“É uma honra receber esse prêmio, que eu queria dedicar a cada atleta, a cada atleta-guia que nos acompanha, a cada tapper [profissional que auxilia os nadadores cegos nas provas]. Dedicar também à minha família, esposa, que me ajuda, faz papel de guia e me acompanha nos treinos”, celebrou Yelstin, que foi duas vezes ao topo do pódio da classe T11 (cegos) em Tóquio, nos cinco mil e nos 1,5 mil metros (m), prova na qual quebrou o recorde mundial e obteve o centésimo ouro paralímpico do Brasil.

YELTSIN JACQUES É O NOME DELE! Depois de dois ouros nos Jogos de Tóquio, dentre elas a 100ª dourada do Brasil em Jogos Paralímpicos, o velocista foi escolhido o Melhor atleta do ano!#PrêmioParalímpicos por @loteriascaixa pic.twitter.com/czmVKsc5hc— Comitê Paralímpico Brasileiro (@cpboficial) February 10, 2022

“Que noite incrível! Estou muito feliz. Queria agradecer a Deus pela minha história e dedicar esse troféu aos meus pais, que sempre me incentivaram desde criança, acompanharam desde criança. Eles são os grandes responsáveis por quem sou hoje. Agradecer à minha comissão técnica, ao meu clube, Grêmio Náutico União [de Porto Alegre]. É um trabalho conjunto, diário, de entrega. Eu tive os melhores profissionais ao lado”, disse a nadadora Maria Carolina Santiago, campeã paralímpica nos 50 e cem metros livre e nos 50 m peito na classe S12 (baixa visão).







Veja também






Presidente Alex Redano confirma investimentos para Governador Jorge Teixeira

Município tem recebido recursos, através de ações do parlamentar Durante encontro nesta semana com o …


Fonte