BRASILEIRÃO

SP: Mulher é espancada após empurrar homem que a chamou de ‘biscate’

SP: Mulher é espancada após empurrar homem que a chamou de ‘biscate’
Da Redação 12/11/21 - 10h39 - Atualizado em 12/11/21 - 15h18 A auxiliar de enfermagem Ana Cláudia Barcello, de 45 anos, foi brutalmente agredida com diversos socos e chutes na cabeça na porta de um restaurante em Cananeia, no litoral de São Paulo. A Polícia Civil está investigando o caso. Em entrevista ao G1, nesta…

A auxiliar de enfermagem Ana Cláudia Barcello, de 45 anos, foi brutalmente agredida com diversos socos e chutes na cabeça na porta de um restaurante em Cananeia, no litoral de São Paulo. A Polícia Civil está investigando o caso.

Em entrevista ao G1, nesta sexta-feira (12), a mulher contou que foi convidada pela esposa do suspeito a ir até o restaurante para tomar uma cerveja. Ela havia conhecido o casal há pouco tempo, no Pronto Socorro da cidade.

“Conheci ela cuidando dele no Pronto Socorro. Acho que, por gratidão, ela tenha me chamado para ir nesse lugar. Quando cheguei lá, ele já estava alterado [alcoolizado], descalço, sem camisa e falando alto”, relatou Ana Cláudia.

Conforme a profissional de Saúde, ela foi ao restaurante acompanhada de uma colega e o homem teria começado a ofender a amiga dela, perguntando se ela era “garota de programa” ou “biscate”. A mulher foi embora, e depois, o suspeito teria passado a xingar a auxiliar de enfermagem.

Agressão física

“Ele se virou para mim e perguntou: ‘você também vai sair? Você é vagabunda? Você é biscate?’. E foi se aproximando de mim, pedi licença e o empurrei”, contou. Na sequência, o homem passou a agredir Ana Cláudia fisicamente com socos e chutes.

“Lembro do primeiro impacto da minha cabeça no chão, e do primeiro soco na minha boca. Depois, eu não lembro mais. Tive um apagão. Achei que eu ia morrer, porque ele não veio de mansinho, não. Ele veio com ferocidade, para pegar e destruir”, afirmou a auxiliar ao G1.

Após as agressões o homem tentou fugir, mas foi contido por pessoas que estavam no estabelecimento. A Polícia Militar foi acionada e levou o suspeito até a Delegacia Sede de Cananeia, onde assinou um termo circunstanciado e prestou depoimento. Ele foi liberado em seguida.

Já Ana Cláudia foi socorrida pela dona do restaurante. Ela teve ferimentos na boca, cabeça e costelas. A vítima ainda deve passar por novos exames para verificar se houve alguma fratura no crânio. Depois de ser atendida, a mulher também prestou depoimento. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.


Saiba mais

+ Morre a atriz Noemi Gerbelli, a diretora Olívia da novela ‘Carrossel’, aos 68 anos

+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional

+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo

+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante

+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol


+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação

+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet

+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021

+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011

+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica

+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano

+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua

+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais

Fonte